Acompanhe ao vivo a sua rádio

Com cuidados e dedicação, animais do Zoo superam a expectativa de vida - 29.04.2019

A girafa Pandinha, nascida e criada no Zoológico de Curitiba, no Alto Boqueirão, faz aniversário nesta quarta-feira (1/5). Ao chegar aos 30 anos, ela já viveu o dobro da expectativa de sua espécie na natureza, que é de 15 anos. Mas Pandinha, a girafa mais velha do Brasil, está longe de ser a mais antiga dos habitantes do local.

Esse posto pertence a Bob, o chimpanzé que trabalhou em circo antes de ser resgatado e encaminhado para Curitiba, depois de uma passagem pelo Zoo de Pomerode (SC). Por aqui, com todo o cuidado, ele já deve ter chegado aos 56 anos, segundo estimativa dos veterinários. São 11 anos a mais que os 45 esperados para os chimpanzés.

Outro destaque é o casal de onças Apolo e Angélica, que já tem mais de 22 anos. Na natureza, a onças costumam viver cerca de 13 anos.

Todo cuidado

A explicação para a longevidade, de acordo com o diretor de Pesquisa e Conservação da Fauna da Secretaria Municipal do Meio Ambiente, Edson Evaristo, está no tratamento constante e multidisciplinar que os animais mantidos no zoo recebem da equipe.

“Aqui eles dispõem de abrigo, recebem alimentação de qualidade e balanceada, passam por cuidados médicos regulares, sejam eles preventivos ou tratamentos de saúde, e estão livres de predadores”, enumera. “Além disso, há maior enfoque na criação de habitats e ambientes sociais e interativos para que sejam mais felizes e menos estressados”, completa.

Também estão na lista dos animais longevos as aves jacutinga, jacu-de-cara-azul, mutum-do-sudeste, mutum-da-venezuela e mutum-cavalo, que chegaram ao zoo de Curitiba em 1997 e, aos 22 anos, superam em dois a expectativa de vida na natureza.

O cuxiú, primata que veio de apreensão em 1997, tem pelo menos 22 anos. Registros para espécies similares estimam até 20 anos na natureza.

Além deles, duas jaguatiricas vivem no Zoo. Uma chegou em 1994 e outra nasceu em 1999. O animal vive 10 anos na natureza.

Zoológico de Curitiba

Inaugurado em 1982 pelo aniversário de Curitiba, hoje o Zoo é responsável pelo cuidado de mais de 1,5 mil animais, que ficam na área de exposição. Mais de 70% deles vieram de situações de intervenção humana que impossibilitaram sua soltura na natureza, tais como apreensões, tráfico, circos e maus-tratos.

Além de manter programas de reprodução de espécies ameaçadas, o zoo promove Educação Ambiental para a conservação da fauna.

 

A girafa Pandinha foi o primeiro animal desta espécie nascida no Zoológico de Curitiba, em 1989 e é hoje a girafa mais velha do Brasil. A aniversariante vai ganhar um bolo de bananas em uma atividade de enriquecimento ambiental – que visa estimular o movimento e comportamentos naturais do animal. Para as crianças, haverá pintura de girafa nas mãos. O enriquecimento acontece às 14h. As informações e demais atividades acontecem durante o funcionamento da unidade de conservação.

Contatos

Telefone: 41 3086.0957

Email: ouvinte@95fmcuritiba.com.br

Redes sociais